Marie Rutkoski · Nível de inglês básico · Nível de inglês intermediário · Resenha

Resenha: The Winner’s Curse, Marie Rutkoski

headerpostwinners

SINOPSE

Conquistar o que você quer pode custar tudo o que você ama.

Sendo filha de general em um vasto império que escraviza todos os povos que conquista e vive em guerra, Kestrel, uma menina de 17 anos, tem apenas duas opções: entrar para o exército ou se casar. Mas Kestrel tem outros sonhos. Um dia ela fica surpresa ao encontrar um espírito semelhante ao seu em um jovem escravo.

O olhar de Arin desafia a tudo e a todos, fazendo com Kestrel o compre, mas as consequências desse ato são inesperadas.

OQUEEUACHEI

b8fd457b921f85e7b3379b5e390885da

Como acontece com a maioria dos livros de fantasia, o começo é um pouco lento, e o leitor demora para se familiarizar com os personagens. Por ser uma história que trata de escravidão, é revoltante ver a situação dessas pessoas que tiveram suas cidades tomadas por um governo e foram obrigados a servir em troca de suas vidas.

The Winner’s Curse tem dois momentos importantes, a primeira parte, onde conhecemos a Kestrel e vemos ela se interessar pelo Arin (maravilhoso Arin), e a segunda parte, que acontece depois de um fato muito importante, e é quando a política do livro se torna o centro, e podemos entender melhor como aquele governo funciona, e quais as intenções do rei. O final do livro deixa o leitor apreensivo sobre o que vai acontecer daquele instante para a frente.

O romance é muito sutil na primeira parte, percebemos que a Kestrel gosta do Arin – isso não é spoiler –, mas não vemos a intenção dela em ficar com ele. Na segunda parte ela mostra os sentimentos dela, o problema é a situação em que os dois se encontram, e as atitudes dela no final. O que eu gostei no livro, é que mesmo havendo o interesse dos dois, não existe uma mudança de opinião em relação a quem eles são leais, e aos ideais de cada um.

NOTA

COISALINDA

CONSIDERAÇÕESFINAIS

Adorei The Winner’s Curse. Adorei a Kestrel, especialmente por ela não ser aquela protagonista fraca que precisa ser salva, ela quer lutar e quer ser independente.

Apesar de não ter intenção de participar das políticas do governo, a Kestrel é a melhor na arte da manipulação e em conseguir o que quer, fazendo dela uma personagem muito forte.

PARAQUEMEURECOMENDO

Se você gosta de fantasia, disputa de poder e rebeldia haha esse é um bom livro para ler.

postrenata

Anúncios

2 comentários em “Resenha: The Winner’s Curse, Marie Rutkoski

  1. Esse livro é super maravilhoso! hahaha De repente sobe ele um pouquinho na tua lista, coloca pro número 25 hahahaha

    E nós colocamos o gif pela URL, você vai em adicionar mídia e depois na opção URL. Espero ter ajudado ;D

  2. Esse livro parece ser incrível! Que vontade de ler agora mesmo! Mas infelizmente, ele vai entrar na fila junto com os outros 50 e poucos kkkkkk Adorei a dica!
    PS: como vocês fazem para colocar os GIFs no post? Estou tentando fazer isso no meu blog e não consigo 😦

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s