Nível de inglês Avançado · Renée Ahdieh · Resenha

Resenha: The Wrath and The Dawn, Renée Ahdieh

unnamed-1

sinopse

Em uma terra governada por um jovem rei assassino, cada amanhecer trás o luto para uma nova família. Khalid, o Caliph de dezoito anos de Khorasan é um monstro. Toda noite ele tem uma nova noiva, apenas para matá-la quando o dia amanhece.

Quando a melhor amiga da jovem de dezesseis anos, Shahrzad se torna uma das vítimas de Khalid, ela promete vingança e se voluntaria para ser a próxima noiva. Shahrzad está determinada não apenas a sobreviver, mas também a acabar com o reinado de terror do caliph de uma vez por todas.

Noite após noite, Shahrzad seduz Khalid com histórias que o encantam, garantindo sua sobrevivência. No entanto, ela sabe que cada amanhecer pode ser seu último. Até que algo que ela nunca esperou acontece: Khalid não é nem um pouco como ela imaginasse que fosse. O monstro, na realidade é um garoto com um coração atormentado e Sharzad descobre que está se apaixonando.

Como isso é possível? É uma traição imperdoável com Shiva, sua melhor amiga.

Com o passar do tempo, Shahrzad compreende que nem tudo é o que parece nesse palácio de mármore e pedra e ela resolve desvendar todos os mistérios que existem ali e apesar do amor, está pronta para tirar a vida de Khalid em troca de todas as que ele roubou.

Pode o amor deles sobreviver a esse mundo de histórias e segredos? Inspirado em As Mil e Uma Noites, The Wrath and the Dawn é um apaixonante livro do começo ao fim.

SkoobGoodreads

oqueeuachei

18798983

Como começar a resenha de The Wrath and The Dawn por escrito? Já que não tenho como colocar aqui alguns guinchos de raptors pra descrever todo o meu amor por esse livro. Haha Gente, vamos dizer olá pra um dos melhores livros que li nesse ano de 2015! 

Mas vou confessar que fiquei bem insegura com ele quando comecei a leitura. Em especial porque fiquei completamente maluca, louca atrás dele por causa da capa e da sinopse desde antes de seu lançamento. Enquanto não tive a versão física, hardcover saborosa em minhas mãos, eu não sosseguei. EU CHEGUEI A SONHAR COM ELE, entendem a minha situação? Haha

E imaginem minha surpresa quando, com ele finalmente em mãos e começando a leitura…fiquei extremamente confusa. O motivo? Ahdieh escolheu um caminho tortuoso para seu primeiro livro: o de não explicar absolutamente nada sobre o enredo. Nem mesmo as palavras estrangeiras ela explicou – mas calma, pra isso tem um glossário (super necessário) – e a história já chega chegando, num prólogo de tirar o fôlego. 

No início fiquei um tanto chateada, achando que teria em mãos uma narrativa confusa, cheia de palavras que não tinha ideia do significado e nenhuma explicação. Até que…eu peguei o ritmo da coisa e gente, deixa eu falar? Ma-ra-vi-lho-so!! 

Sério, o tom de toda a narrativa, que ocorre em terceira pessoa, é como um conto-de-fadas. Eu gostaria de poder comparar com o As Mil e Uma Noites, mas vou confessar que nunca li o livro (vi muitas adaptações do conto da Sherazade em desenhos e minisséries e coisas do tipo), então infelizmente, não vou poder comentar se ambos são parecidos. Mas por causa desse livro, fiquei com muita vontade de ler, então quando eu encontrar uma versão que me agrade e lê-la, venho contar pra vocês o que achei em relação a isso, hehe.

Enfim, focando em The Wrath and The Dawn: o enredo e a narrativa são sensacionais, apesar de toda confusão no início. Os leitores vão descobrindo tudo aos poucos, para apenas no fim, ter apenas parte do quebra-cabeça resolvida. Embora a curiosidade chegasse a doer em muitos momentos, não foi uma leitura cansativa, pelo contrário, o livro foi devorado e terminou com aquela desejo enorme de: quero o segundo volume pra ontem!

Shazi (apelido de Shahrzad, porque sou íntima dela haha) é incrível. E a vontade de entrar no livro e dar um abraço nela e dizer que tudo vai ficar bem é imensa. Especialmente quando ela começa a se apaixonar pelo Khalid e ficar sofrendo porque ainda está em luto com a perda da melhor-amiga dela. Ela é teimosa, corajosa e não abaixa a cabeça pra ninguém e é uma heroína sensacional. 

O romance, apesar de em alguns momentos soar um pouco meloso demais para o meu gosto, não me irritou como costuma me acontecer muito. O motivo, ele tem um tom tão grande de conto de fada que apenas me conquistou ainda mais. Fora que, é extremamente interessante o fato dos personagens principais já estarem casados quando começam a se apaixonar. Foi diferente, foi sensacional, foi lindo.

E toda a história tem um GRANDE tom de suspense, que eu fico extremamente cuidadosa na hora de dar informações nessa resenha porque morro de medo de soltar um spoiler – mesmo que pequeno – sem querer e para ser sincera, a magia desse livro é ir descobrindo tudo aos pouquinhos e imergir na história. Por isso, vou cortar terminar minha resenha, falando da Shazi, que é a personagem que mais conhecemos – apesar de ainda assim, sabermos pouco sobre quem ela era e sua vida antes de se casar com Khalid.

notacoisalinda

consideracoesfinaisThe Wrath and The Dawn é um livro sensacional. Ele conseguiu superar ACOTAR em quesito de favorito. A história, os personagens e sua construção baseada n’As Mil e Uma Noite só deixaram tudo mais apaixonante. 

Fora a capa e a arte internas que são simplesmente ma-ra-vi-lho-sas. Esse livro foi extremamente caprichado em todos os sentidos.

Processed with VSCOcam with a6 preset

Seu único ponto negativo é o fato de ser super introdutório, quando finalmente entendemos o motivo das mortes das noivas e as coisas ficam realmente quentes, o livro acaba, dando um gancho enorme (e desesperador) para o segundo volume, que só saí ano que vem. Como sobreviver?

recomendoIndico a leitura para quem ama high fantasy, enredo bom, background excelente, personagens apaixonantes e claro, uma história de amor maravilhosa!

postflavia

Anúncios

6 comentários em “Resenha: The Wrath and The Dawn, Renée Ahdieh

  1. Essa capa me dá agonia, confesso, mas to curiosíssima! Só li resenhas positivas e acredito que vou curtir bastante essa leitura. Adorei a resenha, beijão!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s