Meg Medina · Resenha

Resenha: Yaqui Delgado Quer Quebrar a Sua Cara, Meg Medina

unnamed-1

sinopse

Uma garota surge de repente no caminho da adolescente Piddy Sanchez para avisá-la de que Yaqui Delgado vai acabar com ela. Piddy acabou de mudar de escola e nem faz ideia de quem seja Yaqui, muito menos do que pode ter feito de tão errado para apanhar. Mas Yaqui sabe quem ela é, e a odeia.
Piddy Sanchez não tem descanso. Ser filha de uma imigrante cubana nos Estados Unidos e crescer sem pai já era bem difícil sem ter alguém a odiando. No ensino médio da nova escola, seu corpo atraente desperta tanto os olhares dos meninos quanto o da esquentada Yaqui, que começa atacando a novata com ameaças cruéis, mas demonstra ser capaz de muito mais que isso, tornando a vida de Piddy um verdadeiro inferno dominado pelo medo. Denunciar Yaqui não é uma opção. Fugir não adianta. O importante agora é sobreviver.

Skoob | Goodreads

oqueeuachei

25183798

Yaqui Delgado me surpreendeu bastante. Apesar de esperar um YA contemporâneo voltado para o drama, eu não esperava que tantos assuntos e questões fossem apresentados e discutidos. Não apenas há o foco do bullying que somos apresentados na sinopse, como também a discussão sobre a comunidade latina nos Estados Unidos e muitas outras coisas.

A leitura do livro flui bem rápido e a maneira que os temas são apresentados, discutidos e resolvidos são bem interessantes, no entanto, a leitura tende a ficar um pouco cansativa depois de um tempo. Diversas vezes me peguei um pouco cansada, especialmente porque não há um elemento que dê uma aliviada em todas as questões dramáticas, tornando a história um tanto pesada e maçante.

Piddy é uma narradora interessante e que conquista o leitor rapidamente e sua personalidade foi o que mais me cativou durante a leitura. Ela possui alguma atitudes irritantes – ou no caso, falta delas -, mas que são muito bem justificadas dado ao que acontece durante a história e sua sensibilidade em relação a tudo. Ela é extremamente real e fica fácil se colocar no seu lugar, assim como também torcer para que tudo se resolva e que ela seja feliz.

Medina construi Piddy muito bem, nos mostrando quem ela era antes da história começar de maneira clara. Mesmo no ponto de vista da menina, é extremamente possível ver muitas das mudanças na personagem com o decorrer dos acontecimentos e história e devo dizer, que talvez, esse tenha sido o ponto mais alto do livro.

Os personagens coadjuvantes mais marcantes são a mãe de Piddy e sua melhor amiga, que basicamente criaram a menina juntas. Elas também são a ponte para imergir o leitor na comunidade latina norte-americana e a relação com a menina são super interessantes de acompanhar. Especialmente, se considerar que um dos grandes mistérios da história, que é o pai de Piddy. Ela nunca o conheceu, nem tem uma noção de sua aparência e sua mãe nunca fala dele.

Também temos, claro, Yaqui Delgado. E vou confessar que fiquei bem curiosa para saber mais, apesar de ela ser muito bem apresentada e concluída. O motivo do ódio dela por Piddy é muito superficial, mas não de uma maneira ruim, afinal, é bem possível que as pessoas odeiem uma às outras por absolutamente nada. Apesar de Yaqui não ser o único problema de Piddy, foi ela quem desencadeou tudo para que a história acontecesse. Medina construiu muito bem esse ponto.

notabommuitobom

consideracoesfinaisYaqui Delgado Quer Quebrar a Sua Cara é um livro muito mais profundo e com questões mais profundas do que aparenta e é isso que o transformou em um livro tão interessante. Medina teve algumas falhas em seguir a história, especialmente a falta de um fator para quebrar um pouco o drama, o que a tornou cansativa, mas isso é relevado com o enredo interessante.

Não posso dizer que foi um dos meus favoritos, já que fiquei bastante entediada em vários momento, mas também não dá para negar que Piddy e sua história me conquistaram e me fizeram querer saber do seu desfecho quase que desesperadamente e por isso, devorei o livro.

recomendoIndico Yaqui Delgado Quer Quebrar a Sua Cara para quem gosta de histórias que discutem questões sociais e familiares, tenho certeza que não vai se arrepender. 
SELO_BLOGSPARCEIROS_2015 (2)

postflavia

Anúncios

2 comentários em “Resenha: Yaqui Delgado Quer Quebrar a Sua Cara, Meg Medina

  1. Oi Isa! Pois é, Yaqui Delgado é um livro que engana pelo título. Eu quando decidi ler, achei que fosse algo mais leve e me deparei com algo bem legal. O único problema dele são as partes maçantes, mas mesmo assim, é uma leitura que vale a pena e bem interessante!
    E suuuper obrigada!! Falo por nós duas quando digo que ficamos super felizes em saber disso! ❤
    Beijocas!

  2. Eu não esperava (pela capa e tal) que fosse um assunto voltado mais para o drama, achei que seria uma coisa meio metida a engraçadinha, mas assim que li a sinopse e sua resenha, notei que pelo jeito é bem mais profundo e isso me deixou bem mais curiosa com o livro. Uma pena a leitura ser em partes maçantes, mas ainda quero ver justamente porque amo livros que falam sobre relacionamentos familiares e entre amigos, ainda mais se considerarmos o quanto real a história podia ser…
    Ótima resenha! (acompanho seu blog há um tempo e tenho que falar, amo os gifs que vocês usam!)
    Beijos,
    Isa.
    Portal dos Livros

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s