Filmes x Livros

Filme x Livro: Love, Rosie (Simplesmente Acontece)

Depois de meses de ansiedade, eu finalmente consegui assistir Love, Rosie (Simplesmente Acontece) e claro, vim contar pra vocês as minhas impressões sobre o filme e as comparações com o livro.

Vou confessar para vocês que o livro não me agradou tanto assim. Sou bem chata quando se trata quando o formato são cartas, e-mails etc e junto com o tempo extremamente longo que a história se passa, deixou tudo bem cansativo para mim (para saber mais, clique aqui para ler a resenha de Love, Rosie), coisa que eu esperasse que não fosse acontecer com o filme e: estava certa.

Por um milagre dos Deuses do Olimpo (uma demigod que vos fala aqui haha), eu gostei muito mais de uma adaptação do que da obra literária original! Mas isso não significa que algumas coisas não me incomodaram, quando analiso por uma questão de adaptação. Pelo contrário, algumas me incomodaram muito. 

O que mais me decepcionou relação ao filme foi em relação ao Alex. Em primeiro lugar, porque o personagem foi diminuído demais na adaptação. E o principal fator foi que em nenhum momento o “no” (cei, no caso da tradução do livro) do Alex ter aparecido. Como assim?! Essa era uma das maiores identidades do personagem, que a Katie, inclusive acaba por fazer a mesma coisa. E então, me leva ao terceiro fator decepção: a relação entre a Katie e o Alex é praticamente cortada do filme, eles não possuem praticamente nenhuma cena juntos, nada que reforce que eles são próximos. Senti falta disso tremendamente. 

E vamos falar da escolha da Lily Collins pro papel principal? Eu simplesmente adoro a Lily, ela está em alguns dos meus filmes favoritos, acho uma fofa e linda mas para o papel de Rosie? Seria ok se fosse a personagem até uns 25 anos de idade. A Lily tem cara de super novinha, consegue fazer papéis de adolescente facilmente (hello, TMI), porém, atuar como mais de 25 anos? Nop. A Rosie de 30 anos não convenceu nem um pouco, parecia uma menina de 20 e poucos anos. Corte de cabelo e roupas não convencem na aparência de uma idade maior, eu sei disso. Experiência própria haha. Imagino se eles tivessem feito o filme como o livro, que acompanhamos a vida da Rosie até os 50… 

De toda forma, a Lily arrasou no papel, embora sua aparência entregasse a (falta) de idade (para interpretar a personagem). Nem preciso dizer que até os últimos minutos de filme, quando ela representa adolescência até a idade atual da Lily, ela foi muito boa.

O Sam Caflin, por outro lado *suspiros* não teve o mesmo problema que a Lily. Mas faltou uma chance maior dele aparecer, faltou o lado da história do Alex mais aprofundado e acima de tudo faltou o NO! Entendo que o tempo – e provavelmente o orçamento – não daria para aumentar a versão do Alex, mas poxa, senti falta. 

A química entre Collins e Caflin foi bem grande. Formaram um casal que a gente torce o tempo inteiro pra ficarem juntos e se apaixona por eles – e também quer dar uns tapas porque parecem nunca se acertar, haha. ❤

Os personagens coadjuvantes são bem divertidos. Algumas mudanças foram feitas, mas para melhor. Eles deram uma leveza para toda as coisas ruins que acontecem com a Rosie e com o Alex. E renderam boas risadas. 

Agora, vamos falar das diferenças mais gritantes sobre o filme e o livro? 

  • O tempo que o filme conta a história da Rosie e do Alex é bem menor, no livro a história termina com a Rosie com cerca de 50 anos de idade e no filme, uns 33. 
  • O pai da personagem principal tem uma participação muito maior no filme do que no livro.
  • Um personagem masculino que a Rosie se envolve é excluído do filme, por outro lado ele se juntou com outro. E isso foi algo que não gostei, especialmente por causa dos rumos tomados na história original em relação a um deles…
  • O Alex não vai para os Estados Unidos ainda adolescente como no livro, a separação entre a Rosie e ele ocorre por causa da faculdade. 

Vale a pena assistir Simplesmente Acontece? Vale. O filme garante boas risadas e até algumas lágrimas. É um filme bem levinho. Particularmente aproveitei mais o filme do que o livro, mas as mudanças podem incomodar um pouco quem amou história da Cecelia Ahern, já que como adaptação deixou bastante a desejar, mas como filme independente, só amor ❤ 

postflavia

Anúncios

6 comentários em “Filme x Livro: Love, Rosie (Simplesmente Acontece)

  1. Oi Mirella! Na versão original, o Alex escreve “no” ao invés de “know” nas cartas trocadas com a Rosie. Em português, isso foi traduzido pra “cei” ao invés “sei”. O “no” é justamente a maneira errada que ele escreve, só que no original 😀
    Beijocas!

  2. Oi Steph! Meu problema com o livro foi mesmo porque eu não sou muito fã do formato dele, sabe? Prefiro uma prosa mais tradicional do que cartas, nunca consegui me prender e gostar tanto assim de livros nesse formato…por isso que no fim acabei curtindo mais o filme haha. Sabe, a única parte engraçadinha que achei boa foi a cena do “doctor Dick”, vou confessar que ri bastante nessa hora, piada boba, mas engraçada.
    Mas como adaptação, meh, muito desanimador…vale a pena ver, mas não pensando no livro.

  3. Que coisa, eu gostei muito mais do livro do que do filme! Haha devorei em pouco tempo, me envolvi demais pela história e personagens. Concordo que faltou o “cei” e a relação entre a Katie e o Alex. Ai, nem gosto de lembrar o tanto de coisa que faltou 😦 achei as partes engraçadinhas dignas de vergonha alheia, sério rs mas realmente, como filme isolado é bem bacana. Mas só.

  4. Oi Bah! Olha, o livro não muda tanto assim o fato de ser uma história romântica. A maior diferença é que ele pesa mais pro drama do que pra comédia…ele é um chick-lit bem bobinho – acho que também não dá pra aprofundar muito quando a narrativa ocorre através de cartas, haha. Fora que ele fica SUPER cansativo depois de um tempo, nesse ponto o filme é mil vezes melhor…ele não cansa e é mais dinâmico de certa forma. Talvez, se fosse uma narrativa mais comum, o livro me agradasse mais, sabe?
    E fico super feliz que tenha curtido, fiquei com medo que pesasse um pouco o post haha. Lily é demais, mas não serve pra papel de mais velha do que é, infelizmente! hahaha
    Beijos!

  5. Estava mesmo querendo saber a opinião de alguém que leu o livro porque fiquei com a impressão e que é mesmo melhor que o filme, já que vi potencial na história, mas acaba que se torna só mais uma comédia romântica clichê. Uma pena :/ Adorei saber as diferenças entre livro e filme. E super concordo quando diz que aquela cara de bebê da Lily não convence como uma mulher de trinta e poucos kkkkkkkk Mas ela estava muito bem 🙂

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s